quinta-feira, 23 de novembro de 2017

História

Talvez não seja
o que vale mais.
Ao menos isso
há de me valer.

Talvez não tenha
uma só razão.
Porque haveria
outra dedução.

Talvez você
saiba o que fazer.
Eu não me mexo
a sair daqui.

Talvez a gente
ainda se encontre.
Onde a palavra
arrisque a distância.

Ou vá que acabe
sem ter início.
E faça história
sem mais talvez.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Seu comentário eu aceito,
mas a "responsa" é só sua,
sendo correto e bem feito,
ponha o seu bloco na rua!